Ibovespa tem pregão de ajustes e fecha em queda de 0,72%

22 Nov 2018

 

O Índice Bovespa fechou em queda de 0,72% nesta quarta-feira, 21, aos 87.268,80 pontos, mas os profissionais do mercado brasileiro ficaram satisfeitos com o resultado. A leitura é que, depois das fortes quedas do petróleo e das bolsas americanas na véspera, a bolsa brasileira voltou do feriado promovendo ajustes moderados. Os negócios somaram R$ 12,6 bilhões, abaixo da média de novembro, o que também confirma que o pregão ocorreu sem sobressaltos.

 

O Ibovespa chegou a cair 1,87% pela manhã, quando registrou a mínima de 86.254,21 pontos, antes da abertura das bolsas de Nova York. A recuperação dos índices americanos logo na abertura contribuiu para manter o indicador brasileiro longe das mínimas, limitando os ajustes das blue chips às quedas dos seus ADRs na terça-feira, dia em que o mercado brasileiro esteve fechado.

 

“O EWZ caiu mais de 3% ontem (terça), com grande destaque para empresas de commodities. Hoje (quarta) a bolsa caiu pouco, o que é um bom sinal. Se por um lado algumas ações com mais gordura caíram, como no caso do setor financeiro, outras subiram, num sinal de que o investidor está buscando onde alocar seus recursos”, disse Josian Teixeira, diretor da Lifetime Asset Management.

 

Teixeira afirma que as perspectivas para o mercado brasileiro seguem positivas e aponta como evidente sinal disso a queda das taxas de juros futuras, mesmo em um dia de alta do dólar ante o real. “Os juros em baixa são um bom sinal para as empresas em bolsa, uma vez que apontam para maior chance de investimento na produção”, diz.

 

Na análise por ações, as quedas de maior peso no Ibovespa foram as da Petrobras, que perderam 2,32% (ON) e 3,19% (PN). Os papéis se ajustaram à queda de mais de 7% dos preços do petróleo na véspera. Os investidores estiveram, ainda, atentos à possibilidade de votação do projeto de cessão onerosa dos excedentes do pré-sal nos próximos dias. O presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), almoçou com o ministro extraordinário Onyx Lorenzoni, coordenador da transição para o governo de Jair Bolsonaro, e com o futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, segundo apurou o Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado. Mais cedo, Eunício afirmou que se reuniria com o ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, e com Paulo Guedes para discutir os detalhes sobre os repasses para Estados e municípios.

 

Entre as 65 ações que compõem o Ibovespa, BRF ON subiu 4,91% e foi a maior alta do índice, refletindo notícia de que o México decidiu habilitar novos produtores brasileiros para a venda de frango ao país. JBS ON também subiu, encerrando o dia com ganho de 4,33%. Com o resultado desta quarta, o Ibovespa contabiliza baixa de 0,18% em novembro e alta de 14,22% no acumulado de 2018.

 

Fonte: IstoÉ

Compartilhe no Facebook
Compartilhe noTwitter
Please reload

Posts Em Destaque

Reunião do Grupo de Estudos de Temas Sindicais

February 6, 2019

1/10
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo